Strudel de Amora Preta

9 nov

DSC07193

Outra delícia que não resisti enquanto procurava receitas para fazer usando a amora colhida na casa dos meus pais…a lista é grande…

Assim que vi a foto tive certeza de que seria aprovada…já fizemos duas vezes na mesma semana…será que gostamos?

A receita original usa framboesas, mas substitui por amoras pretas (blackberries) pois temos uma fartura delas por aqui. E são muito mais saborosas usadas ainda frescas, então anotem e corram para testar!

DSC07154

Duas palavras antes da receita: geléia consistente e crème fraiche.  Deixem-me explicar… O recheio leva geléia. Da primeira vez usei uma calda que fiz com amoras, açúcar e um tantinho de água. Vazou bastante…daí na segunda vez resolvi substituir por uma geléia bem durinha que minha mãe havia feito, só com as amoras e açúcar numa panela no fogão até dar ponto. Muito melhor, quase não vazou. Assim fica mais bonito e gostoso!

DSC07165

Ah, o crème fraiche…esse é um capítulo à parte… há tempos venho procurando sem sucesso esse creme para usar em receitas “gringas”. Nunca achei por aqui…É um creme mais espesso que o creme de leite mas um pouco mais ácido, ligeiramente envelhecido, o que lhe confere um sabor e textura diferentes. Usado sobre frutas ou doces mais açucarados dá um contraponto ao açúcar! O sabor é um pouco menos forte do que o “sour cream”.  A receita é fácil e dá certo. Adoramos!

Strudel de Amora Preta (Blackberry Strudel)

adaptado de bunsinmyoven.com (Raspberry Coffee Cake) e de sweetannas.com

xícara 240ml

Ingredientes:

2 xícaras de farinha de trigo

1 colher (chá) de fermento para bolo

1/2 colher (chá) de sal

1/2 xícara de manteiga gelada em cubinhos

85g de cream cheese bem gelado

1/2 xícara de leite (ou um pouco menos dependendo de onde você mora)

1 xícara de geléia de amora (bem consistente)

1/2 xícara de açúcar de confeiteiro

1 colher (sopa) de leite

1/4 colher (chá) de extrato de amêndoas ou baunilha

Modo de fazer:

Pré-aqueça o forno a 220ºC. Num bowl médio misture o trigo, fermento e o sal.  Junte a manteiga em cubinhos e o cream cheese. Com um pastry cutter ou um garfo vá misturando os ingredientes até que a mistura pareça migalhas grandes.

Aos poucos junte o leite, 1/4 da xícara, sobre a mistura de trigo e manteiga e vá amassando com o garfo até que fique homogênea. Pode ser necessário ou não usar o leite todo (a 1/2 xícara da receita).  O ponto certo é quando a massa não gruda nos dedos.

Leve a uma superfície levemente enfarinhada e misture com as pontas dos dedos 4-5 vezes até que forme uma bola.  Abra a massa com um rolo de macarrão num retângulo de 30cm x 24cm e cuidadosamente coloque sobre uma forma forrada com papel manteiga.  Eu enrolei a massa no rolo e com cuidado desenrolei sobre a forma forrada com o papel manteiga.

DSC07188

Com o lado não afiado de uma faca faça três colunas no sentido vertical, do lado mais fino.  Não é para cortar, só faça uma marca guia.  Na coluna do meio espalhe a geléia. Faça cortes diagonais como franjas nas duas colunas exteriores.  Vá dobrando as franjas como se fosse uma trança sobre a geléia. (A autora do blog sugere pincelar eggwash ou creme sobre o strudel antes de ir ao forno para dourar mais. Eu não fiz, é opcional!)

DSC07189

DSC07190DSC07191

Asse por 12-15 minutos, dependendo do seu forno, ou até que esteja dourado o strudel.

Enquanto o strudel esfria, já fora do forno, faça a cobertura.  Num bowl pequeno misture o açúcar de confeiteiro, o leite e o extrato escolhido.  Com cuidado vá derramando sobre o strudel.  Corte e sirva com uma xícara de café bem forte!!! Nós servimos com um pouco mais de geléia e crème fraiche! Nota 10 para a receita, já virou favorita!

O melhor de tudo é que parece algo bem difícil de fazer e não é mesmo! A massa fica pronta rapidinho, o mais demorado é o tempo do forno! E é tão linda e chique, não?

Pode ser congelada já pronta. Retire do congelador e leve ao forno a 180ºC por alguns minutos para esquentar.

DSC07197

Crème Fraiche

Coloque num vidro grande, bem lavado e esterilizado, 3/4 de creme de leite fresco e preencha o resto (1/4) com iogurte natural.  Deixe por 12/24h fora da geladeira até que vire o crème fraiche e refrigere até a hora de usar!  Simples assim. (receita daqui)

Eu usei um vidro vazio de picles de pepinos. Deu super certo.

Alguns outros usos para o Crème Fraiche:

  • coloque no purê ou gratinado de batatas;
  • misture com ervas frescas picadas para fazer um patê;
  • junte ao molho de salada para que fique mais espesso e com um sabor mais ácido;
  • coloque colheradas na sopa na hora de servir, fica com uma textura aveludada;
  • mais sugestões aqui.
About these ads

3 Respostas to “Strudel de Amora Preta”

  1. Trembom novembro 10, 2012 at 1:47 am #

    Que lindo que ficou Ve! Amoras estao bem na epoca aqui. ach0 uma graca estarem em temporada ai com o tempo sendo o inverso. teus pais moram na serra? Que bacana tua mae fazer geleia. A dica do creme fraiche foi otima. vou passar para uma amiga que mora no Brasil pois ela ja tinha me perguntado. Como aqui achamos facil nao tinha receita. Super abraco e bom finde.

  2. Renata Boechat novembro 11, 2012 at 12:57 pm #

    Minha amiga,
    essa foi uma deliciosa maneira de aproveitas as amoras
    Imagino que maravilha!!!

    Beijo grande,
    Bom domingo!

  3. Gina novembro 14, 2012 at 11:12 pm #

    Hoje comprei dessas amoras, que tinham outro destino, mas me vi tentada a fazer esse strudel. E o crème fraiche também é dica para arquivar.
    Bjs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 279 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: