Sopa enxuta ou Risotto para os íntimos

15 fev

Risotto de Abobrinha com Gorgonzola

Estou ficando preocupada, Risotto vicia??? A Silvia do Doce Casinha disse que sim, e que já não tem mais cura… Então tá, ô delícia, não???? 

Prévia de feriado prolongado é hora de olhar a geladeira e pensar num cardápio para aproveitar o que há, não dá mais para jogar comida fora…

Anyway, duas abobrinhas estavam piscando para mim e pedindo take us, take us, ok babies, vamos para a panela com o primo arroz.  Decidido: Risotto de Abobrinha.  Não sou boba nem nada, passei numa loja e comprei um pedaço de Gorgonzola e rumo à cozinha. 

O resultado foi um Risotto delicioso, a combinação do crocante da abobrinha com o arroz e a cremosidade do queijo….tive que me segurar para não raspar a vasilha. 

Risotto de Abobrinha com Gorgonzola

(serve 2 pessoas que estejam com bastante fome)

  1 xícara de arroz Carnaroli sem lavar

 ½ cebola média picadinha

1 dente de alho

Azeite para refogar

 2 abobrinhas italianas médias picadas em cubinhos

2 dedos de Conhaque (pode ser vinho branco ou outra bebida)

2 colheres (de sopa) de queijo Gorgonzola amassado

1 colher (de sopa) de queijo parmesão ralado (usei provolone bem suave) 1 colher (de sopa) de manteiga

1 litro de caldo de legumes (usei caldo de galinha pois não tinha o outro) 

Refogue o alho e a cebola no azeite até ficarem transparentes e acrescente o arroz.  Deixe que o mesmo também fique translúcido e junte o conhaque.  Mexa bem até evaporar.  Acrescente a abobrinha picada.  Coloque uma concha do caldo e vá mexendo sempre até o caldo secar, repetindo a operação até que o arroz esteja cozido mas ainda al dente.  Se necessário, junte um pouco mais de caldo e mexa bem. Na última concha de caldo, não deixe secar completamente ou o risotto ficará seco e não cremoso como deve ser.  Acrescente o Gorgonzola e o parmesão e desligue o fogo.  Mexa bem, corrija o sal e junte a manteiga para dar brilho ao prato.  Leve à mesa sem piscar!

Se quiser pode polvilhar queijo e pimenta moída na hora de servir, mas não fiz isso porque achei que já tinha queijo suficiente e a pimenta do reino está proibida em casa.

Dicas interessantes (Acessa.com): 

  • Apesar de aparentemente simples, o prato requer prática para achar o ponto certo. O ideal é que o arroz fique cozido, mas com uma leve firmesa no centro do grão.
  • Não se lava o arroz para fazer o risotto. O amido externo é responsável pela viscosidade do prato.
  • O tipo de arroz é determinante para o resultado final. Além do arbório você pode usar o carnaroli, ambos italianos.
  • O risotto deve ser cozido em fogo alto e mexido o tempo todo, ao contrário do arroz do dia-a-dia.
  • Procure fazer pouca quantidade por vez, pois o prato exige dedicação constante.
  • O líquido para cozimento pode ser água ou caldo leve de carne, frango ou peixe e pode-se ir acrescentado vinho tinto ou branco em pequenas quantidades.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: