Arquivo | 3:03 pm

Bruschetta

27 jul

Bruschettas blog

Frio pede comida que esquente, uma sopinha básica, e a sopa clama por uma Bruschetta!  Aqui em casa sempre que faço sopa o marido fica procurando uma torradinha, uma Bruschetta, ou algo para dar a sensação de que não irá ser só sopa na refeição…Acho que é a coisa de fazer os maxilares trabalharem…

Mas as bruschettas são mais do que acompanhamentos para sopas, são tipicamente entradas ou antipastos e sua origem data de meados do século 15 na região central da Itália.  Em muitos lugares é feita num grill, mas pode ser adaptado seu preparo para uma torradeira ou mesmo um forno.  Ou até numa frigideira, se a vontade for grande!

O pão que normalmente se usa é um pão de massa fermentada, sourdough, que possui uma casca grossa e crocante, e retém mais umidade do que os outros.  Um pão caseiro é uma ótima opção.

Ganhei de Natal da minha irmã o livro A Itália de Jamie (Jamie Oliver) e logo das primeiras páginas ele dá as diretrizes para se fazer uma boa bruschetta, como na Itália.  A cobertura para a bruschetta pode variar imensamente, o que ele recomenda é que os ingredientes devem ser muito frescos e cozidos com cuidado.

Seja qual for a cobertura que você escolher, o preparo básico é o seguinte:

Bruschetta

(adaptado do livro A Itália de Jamie)

Pegue um pão grande, de preferência de massa fermentada naturalmente (sourdough) e corte no meio no sentido vertical. Depois fatie com espessura de aproximadamente 1cm e toste as fatias numa grelha, torradeira, forno, frigideira…dos dois lados até que fiquem douradas.  Esfregue alho cru rapidamente na superfície das fatias, coloque um ótimo azeite de oliva e uma pitadinha de sal.  Escolha sua cobertura preferida e regue novamente com azeite.

Fiz duas coberturas:

  1. tomates italianos picadinhos e escorridos numa peneira para retirar o excesso de líquido. Temperei com azeite, sal, alecrim seco e um pouco de queijo de cabra esfarelado;
  2. fatias de presunto cru (tipo Parma), azeite e orégano.

Sugestões do Jamie Oliver:

  • beringelas grelhadas e depois picadas, temperadas com hortelã, azeite, salsinha, alho e um pouquinho de vinagre;
  • vegetais assados ou grelhados, temperados com orégano, sal, azeite, pimenta do reino, limão e vinagre;
  • tomates maduros picadinhos, manjericão, sal, pimenta do reino;

A sopa que servi como prato principal é uma canja com massa ao invés de arroz.  Para duas pessoas (bem servidas) cortei 3 sobrecoxas de frango desossadas e temperadas com alho e sal em cubinhos e refoguei no azeite até dourar.  Acrescentei 2 dentes de alho picados, uma cebola pequena em cubinhos e deixei fritar um pouco. Acrescentei uma cenoura (grande) em cubos e dourei por uns 2 minutos. Coloquei água morna cobrindo tudo e deixei começar a cozinhar.  Quando a cenoura estava al dente acrescentei  1/2 chuchu e 2 batatas em cubos. Corrigi o sal e a quantidade de água.  Acrescentei uns raminhos de tomilho fresco e coloquei o macarrãozinho (estrelinha).

Fonte: Wikipedia

Anúncios