Pastiera di Grano, antes, durante e depois da Páscoa…

24 abr

DSC08687

Uns dias antes da Páscoa meus pais ganharam um pedaço de uma Pastiera di Grano, uma torta preparada na Páscoa, típica de Nápoles, Itália. Experimentei e adorei! Já tinha ouvido e lido a respeito mas a torta me parecia muito elaborada e ainda não tinha me animado a testar alguma receita.

Depois de provar a torta eu e minha mãe ficamos encantadas e passamos um bom tempo confabulando sobre sua origem, ingredientes, etc… Acabei me encantando pela receita da Carla Maicá, do maravilhoso blog  Cucina Artusiana, que me pareceu perfeita. Fiz duas alterações, usei casquinhas de mexerica cristalizadas no recheio e tive que tirar um pouco do trigo para caber na minha forma. 

A torta exige preparação, então não dá para fazer de última hora, mas é tranquilo.  Recomendo muito!!! Experimentem essa maravilha! E não só para comer na Páscoa…

Tradicionalmente preparada pelas donas de casa napolitanas para presentear os amigos e familiares na Páscoa, essa torta celebra a chegada da primavera e apesar de rústica  é saborosa e muito especial.

Quer saber mais sobre esse doce, leia aqui.

DSC08702

Pastiera di Grano – Torta Napolitana de Páscoa (receita bem pouco adaptada do Cucina Artusiana)

Ingredientes
Trigo
250 gramas de trigo integral (em grãos) deixados de molho por 3 dias
01 litro de leite integral
Massa
250 gramas de farinha de trigo
02 gemas
75 gramas de açúcar
60 gramas manteiga sem sal
½ xícara de água fria
½ colher (sopa) de canela em pó
Creme
02 gemas
75 gramas de açúcar
250 ml de leite integral – Use o leite que foi cozido o trigo
35 gramas de farinha de trigo
Casca ralada de 01 limão
01 colher (chá) de essência de baunilha
Ricota
500 gramas de ricota fresca sem sal
03 ovos inteiros
03 gemas
400 gramas de açúcar
01 colher (chá) de canela em pó
01 colher (sopa) de Cointreau (licor de laranja)
01 colher (sopa) de essência de baunilha
Açúcar de confeiteiro para polvilhar                                   
2 colheres de casquinhas de mexerica cristalizadas (em pedacinhos)


Preparo

Cozinhe o trigo em água nova por 40 minutos. Escorra, junte o leite e leve ao fogo baixo, mexa algumas vezes para não grudar no fundo da panela. Cozinhe até ficar macio, aproximadamente 1 hora. Retire metade do leite do cozimento e utilize este leite retirado para fazer o creme.

Bata todos os ingredientes da massa no processador até obter um composto homogêneo. Faça uma bola com a massa, enrole com filme PVC e leve ao refrigerador por 40 minutos. Passado este tempo abra a massa com espessura de 2 centímetros e coloque sobre o fundo e bordas de uma forma de 25 centímetros com aro removível. Leve novamente ao refrigerador até a hora da montagem.

Para o creme bata bem as gemas com o açúcar. Acrescente o leite e a farinha de trigo. Misture bem, leve ao fogo baixo, junte a casca de limão e mexa até começar a engrossar. Adicione a baunilha e passe por uma peneira.

Amasse a ricota e reserve. Bata os ovos e as gemas e o açúcar. Junte a ricota e misture. Acrescente os outros ingredientes e misture bem.

Pré aqueça o forno a 180º C.

Em uma tigela grande coloque o creme de ricota, o trigo e o creme. Misture bem e despeje sobre a massa. Asse por aproximadamente 02 horas, até a superfície dourar. Desligue o forno e deixe a torta esfriar lá dentro. Sirva em temperatura ambiente polvilhada com açúcar de confeiteiro.

Observação do Mangia: minha forma de fundo falso não é muito alta, então tive que tirar 1 1/2 xícaras do trigo já cozido na hora de misturar com os outros ingredientes para assar…ou não caberia na forma. Usei para fazer pão.

DSC08697

5 Respostas to “Pastiera di Grano, antes, durante e depois da Páscoa…”

  1. Renata Boechat abril 24, 2013 às 5:41 pm #

    Minha amiga, já provei dessa torta na Italia, mas não me apercebi que ela era tão rica em ingredientes,
    Ficou mesmo divina seu doce, perfeito, eu diria!

  2. Maura abril 24, 2013 às 8:22 pm #

    Eu não sabia que essa torta era tão trabalhosa prá fazer, nunca provei, parece muito saborosa!! bjs

  3. Carla Maicá maio 6, 2013 às 11:27 am #

    Verena,

    Demorei mas cheguei. Vim aqui prestigiar o teu espaço e foi uma grata surpresa. Parabéns pelo blog.

    E esta pastiera é mesmo uma delícia, né?! Adoro doces com ricota (embora as nossas sejam tão diferentes das italianas). Obrigada por prestigiar o Cucina Artusiana.

    Um super beijo!

  4. Helena dezembro 24, 2013 às 12:06 am #

    Oi Verena!
    A minha tá no forno há duas horas já. Mas estou achando o recheio meio mole e penso em deixar mais um pouco no forno…
    vamos ver!
    depois conto o resultado!
    Beijos e obrigada!

  5. Helena dezembro 25, 2013 às 1:24 pm #

    Oi Verena!
    Em primeiro lugar, feliz Natal!
    Olha, a pastiera fez sucesso!
    Ao mesmo tempo rústica e complexa.
    Um dos convidados aqui para a Ceia não gosta de raspas de limão e esses sabores cítricos. Alterei (sim, eu sei, uma heresia!) um pouco tirando as raspas e o licor, substituindo por passas brancas e vinho do porto.
    Ficou delicado e casou super bem com a ricota e o trigo.
    Obrigada por divulgar essa receita!
    Abraços e ótimo 2014!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: