Navajo frybread / Pão frito Navajo

25 jun

DSC09118

Numa viagem ao Grand Canyon há muito tempo experimentei num café esses pães fritos! Nunca mais esqueci a maravilha e a beleza que são! Lembro que no momento em que comi pensei : “tenho que procurar a receita e fazer para minha mãe”…bem, demorou só uns 20 anos…mas fiz e agora divido com vocês.

Foram servidos quentinhos com mel e canela, como um lanche mesmo, mas pela pesquisa que fiz aprendi que também são chamados Navajo tacos, isto é, podem ser recheados com carne, queijo ralado, alface e molho, proporcionando uma completa refeição. Ou mesmo como acompanhamento para um ensopado ou sopa. Simplesmente maravilhosos, experimente, vá por mim!

E você pode até recheá-los, abrindo como um pão tipo pita!

A história do Navajo frybread não é poética,  os Navajos, tribo indígena nativa americana, tiveram suas terras invadidas pelos colonizadores europeus, cujo objetivo era conquistar suas terras para construir novas cidades e nova vida na América.  A luta foi feroz e os colonizadores acabaram vencendo, fazendo com que os Navajos fossem retirados da sua terra natal e realocad0s em uma área distante de onde moravam. Os novos acampamentos eram muito populosos e a comida era escassa. O governo americano fornecia trigo, açúcar, banha, fermento (químico e biológico) e leite em pó. Com esses ingredientes o Navajo frybread apareceu como uma alternativa para alimentar os índios. Para algumas tribos o frybread é uma comida de tradição sagrada, para ser consumido pelos índios até que a terra seja purificada novamente. (fonte snowowl.com)

Esta receita rendeu 12 pães. A dica é esperar o óleo esquentar bem para que os frybreads inflem e não encharquem. Fácil e rápido.

A receita veio daqui.

DSC09120

Navajo frybread

(xícara 240ml)

Ingredientes:

· 2 xícaras de farinha de trigo

· 1 1/2 colher (chá) de fermento em pó (para bolo)

· 1/2 colher (chá) de fermento biológico seco

· 1/2 colher (chá) de sal

· 3/4 – 1 xícara de leite quente (43ºC)

· 1 colher (sopa) de manteiga (sem sal) amolecida

· óleo de milho ou girassol para fritar(use o de sua preferência)

Modo de fazer:

  • Numa tigela misture a farinha de trigo, fermento em pó, fermento biológico e o sal.
  • Em outra tigela misture a manteiga no leite quente e depois junte aos ingredientes secos.  Vá misturando com uma colher de pau até que os ingredientes estejam bem incorporados e a massa esteja homogênea.
  • Se massa estiver um pouco grudenta e elástica pode-se adicionar o 1/4 de xícara de leite restante. (Não precisei fazer isso).
  • Cubra a massa com filme plástico e deixe descansar por 10 minutos.
  • Divida a massa em 12 porções iguais. Com as mãos ligeiramente enfarinhadas e numa superfície também enfarinhada vá trabalhando uma porção de cada vez.
  • Com o rolo abra cada pedaço até atingir um círculo de aproximadamente 12cm de diâmetro.
  • Aqueça uma frigideira funda com o óleo. Quando estiver bem quente coloque um disco de massa por vez e frite até dourar, nos dois lados.

DSC09116

  • Remova da frigideira e deixe escorrer o excesso de óleo em papel toalha.
  • Sirva como taco (salgado) ou como lanche ou sobremesa, com mel e canela, com manteiga, com geléia, com frutas…
  • Maravilha!!!!
  • Aqui em casa foi o lanche, com uma xícara de café bem quentinho! Hummmmmmm!

Sabia que no Peru há um pão bem parecido chamado Cachanga? Veja aqui.

4 Respostas para “Navajo frybread / Pão frito Navajo”

  1. Rachel Azevedo junho 25, 2013 às 12:12 pm #

    Hummmmmmmmmmm, esse terei de experimentar… a aparência é tentadora.
    Se for parecido com os sírios já estão aprovados… adoro!!!
    Bjuss!!!

  2. Amehlia Digital junho 25, 2013 às 1:08 pm #

    Pessoa muito chique que viaja =)
    Eu achei super interessante levar os 2 fermentos. Tem uma lembrança de sonho por ser frito, mas com canela e (açúcar) mel vai agradar bastante.
    Penso que devíamos aderir a ideia aqui no Brasil de comer até a terra se purificar =]
    Um bejim procê, Vê!

  3. Renata Boechat junho 25, 2013 às 10:06 pm #

    Acho que preferiria a versão tacos,

    muito interessante amiga, gostei disso!

  4. Tom Ding novembro 9, 2021 às 9:32 am #

    How to create a YouTube channel and get the most out of your video blog
    A YouTube channel can become a completely independent project, as, for example, at Wylsacom, which in a little less than four years has gathered a million subscribers without creating a full-fledged website: only a YouTube channel, and VKontakte pages , on Facebook and Twitter.

    On the other hand, YouTube is a great continuation of a finished project. Here you can collect both your own and third-party video content and find a new audience – there are tons of opportunities for this, and they are all free.

    The service has no restrictions, except for the video weight, which should not exceed 100 GB. YouTube is intuitive but functional at the same time.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: