Arroz de Caracol

20 jul

arroz de caracol

Essa é uma receita de família, receita que minha bisavó fazia para os filhos e netos e que eu curiosamente nunca havia experimentado, só ouvia falar da delícia que era mas nunca havia feito ou provado.  Engraçado já que as receitas de família são sempre repetidamente feitas na casa da minha mãe ou da minha avó… O arroz é tão emocionalmente especial que uma nora da minha bisavó diz ser o arroz de festa da casa dela, sempre que os filhos se reúnem ela tem que fazer senão eles reclamam.

Tinha sobras de arroz em casa e uns ovos caipiras maravilhosos trazidos pela mamma, não pensei duas vezes, ontem à noite resolvi fazer o arroz da bisa para acompanhar uma salada de rúcula, cenouras em rodelas e conserva de cebola roxa e uma kafta deliciosa que tinha feito.  Não preciso nem dizer que foi aprovadíssimo, quase não sobrou…o arroz fica com um sabor bem especial e uma crosta super crocante, meu pequeno já tinha jantado e não se fez de rogado, ao sentir o perfume saindo do forno ele disse para o pai: “Papai, vamos jantar?”.

A receita é simples: numa tigela misture sobras de arroz (eu usei 2 ½ xíc., mas pode ser mais dependendo do número de comensais), 1 colher (sopa) de manteiga amolecida e 3 gemas bem desmanchadas.  Misture muito bem e acrescente 3 colheres de parmesão ralado.  Coloque numa forma refratária untada com manteiga e farinha de rosca (para não grudar) e alise a parte de cima com uma faca molhada na manteiga amolecida.  Cubra com uma fina camada de farinha de rosca (eu não tinha então fiz uma farinha fina com umas torradas Marilan) e depois salpique mais queijo ralado. Enfeite com azeitonas verdes e leve ao forno para dourar.  Fica uma cor linda e tem um sabor muito bom, mais especial ainda foi comer um prato que minha bisa sempre fazia e lembrar dela (infelizmente não a conheci, mas as histórias que contam é de que ela foi uma pessoa muito legal e que cozinhava muito bem).

Espero que gostem! Minha mãe disse que com rosbife combina divinamente.

Arroz de caracol pronto

Anúncios

15 Respostas to “Arroz de Caracol”

  1. Duly julho 20, 2007 às 5:17 pm #

    Que maravilha de arroz,deve ser d-e-l-i-c-i-o-s-o!Vou experimenter amanhã e depois te conto.Beijo e bom fim de semana

  2. Fer Guimaraes Rosa julho 20, 2007 às 7:04 pm #

    Verena, que delicia! Eu faco uma receita parecida, sem os ovos e com ervilhas. Eh uma maneira otima de reaproveitar o arroz. Vou testar usando a receita da sua bisa. Beijos! 🙂

  3. Márcia julho 20, 2007 às 8:06 pm #

    Verena, além da história familiar, a receita realmente atiça a vontade, viu? Quero testar em breve…
    Beijos!

  4. Cris julho 20, 2007 às 10:05 pm #

    Eu adoro estas receitas de família acompanhada de uma história. Esta receita parece tão simples e saborosa, logo a gente faz aqui. Deve ficar uma delícia! Bom final de semana para vocês! Bjs!

  5. Bárbara julho 20, 2007 às 10:46 pm #

    Caracas, isso é muito bom pra quando sobra arroz! Lá em casa a gente chama de reciclagem!!! Amei a receita da bisa, vou testar, claaaaaro! Um beijo, querida.

    http://www.trivialfenomenal.zip.net

  6. Agda julho 20, 2007 às 11:29 pm #

    Verena por que é que se chama “arroz de caracol”?

  7. Cláudia julho 20, 2007 às 11:57 pm #

    Eu adorei a receita mas, como a Agdá, não a relacionei com o título. Quanto à massa integral da Barilla, adorei. É totalmente diferente das outras que havia provado, ela fica al dente. Experimente e conte o que achou. Beijo.

  8. akemi julho 21, 2007 às 2:04 am #

    Verena, o nome do arroz é um charme e a aparência dele, então, nem se fala! Quero experimentar na primeira oportunidade! Vou postar essa receita para o evento do comidinhas, posso?

  9. valentina julho 21, 2007 às 3:49 pm #

    Ai que delicia. Nao costumo ter sobre de nada em casa a nao ser de arroz. Ja vi que o farei em breve. preciso anotar esta receita. a historia da nona da um toque especial ao prato.

  10. marzia julho 21, 2007 às 4:37 pm #

    Este arroz é comido no sul da Itália, eu acho uma delicia lá é feito com queijo de cabra.
    Abração

  11. Larissa Moreira julho 24, 2007 às 8:51 pm #

    Oi, essa eu vou fazer hj! Estou com os ingredientes e não vou deixar pra depois! 😉 Bjs!

  12. Cris agosto 1, 2007 às 2:15 pm #

    Estou relendo a receita para fazer, já comentei antes, mas eu acho que com panko vai ficar uma delícia!!!

  13. Branca setembro 28, 2007 às 11:04 am #

    Só descobri este blog agora, e acho que tem receitas espectaculares além de uma forma de apresentá-las muito gira!
    Quanto a esta , tenho uma dúvida: as gemas são cozidas ou cruas? Quero fazer esta receita este fim de semana!
    Obrigada.
    Branca

  14. mangiachetefabene setembro 28, 2007 às 4:24 pm #

    Branca, são cruas e serão cozidas no forno junto com o arroz!
    Obrigada pelos elogios, venha sempre visitar!
    Beijinhos.

  15. Cecilia outubro 20, 2007 às 12:35 am #

    A história desse prato feito por sua bisa poderia render uma pulblicação. A Knorr tá fazendo um concurso que tem como assunto a história de uma receita. Por que vc não concorre?
    Bjus, Cecilia (SP)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: